segunda-feira, 12 de julho de 2010

Servidor Público

Eu que sou muito cricri ou as pessoas esquecem a razão de ser das coisas?
Porque, até onde eu me lembro, o servidor público está ali para servir ao público. Tô falando alguma bobagem? Mas ae nego fica se achando, exclusivamente porque tem estabilidade trabalhista, e presta um serviço indigno e mega mal feito. E se você quiser reclamar de estar sendo mal atendido, ainda tem a lei que diz que desacatar funcionário público no exercício da função é crime.
E aí você me pergunta: mas você não é funcionária pública? E eu respondo: Sou. Mas sei exatamente qual é o meu lugar e procuro fazer o melhor que consigo.

Infelizmente esse não é o caso de muita gente, e no dia que fiz lá a RM fui vítima de uma servidora arrogante. Tudo bem, gente, eu entendo que trabalhar em hospital é estressante e que a toda hora chega gente quebrada, a beira da morte e que uma furadinha na mão não é nada comparado a isso. Mas, pô mermão, graças a Deus nunca me quebrei, nem nunca sofri nenhum acidente grave, mas as minhas pequenas dores são, pra mim, enormes. E quando eu tava lá sentindo uma dor do cão pq a enfermeira não achava minha veia e me furou umas cinco vezes e depois forçou 0 acesso nos ossinhos da minha mão, minha pressão despencou e quase que a Ruiva aqui desmaiou. Ao invés de me prestar um atendimento adequado, ela me chamou de fresca e disse que se eu quisesse atendimento vip que pagasse uma clinica particular. Maluco, eu pago impostos caros pacarai pra usar a droga do hospital público. Qual o problema???????? Se não tenho plano de saúde? Tenho. Mas existe uma coisa chamada carência e eu só poderia fazer esse exame no final do ano, mas preciso dele pra djá. Nada mais justo que fazer valer a dinheirama de impostos pagos e usar o serviço "gratuito" que o governo oferece aos cidadãos, certo? Pois pra ela eu estava errada. Ela podia estrupiar minha veia e eu não podia reclamar. Depois de doze horas de jejum (inclusive de água), de um atraso de quase quatro horas até ser atendida, ainda tenho que ouvir uma coisa dessas. Só que eu tava tão fraca, tão preocupada em não desmaiar sozinha naquele corredor mais frio que a Sibéria, vestindo aquele avental patético, que nem tive vontade de responder a altura.
E foi tanto "frescura minha" que a veia tá inchada até hoje, a mão tá verde por conta do hematoma e o braço dói até o ombro.
O que aconteceu? O acesso não tava bem feito e provavelmente vasou contraste pra pele.

Tô muito indignada com isso. Não é a primeira vez que sou vítima de uma grosseria vinda de quem deveria prestar um bom serviço. E fico p* com isso, até porque quem paga o salário dessa gente sou eu e é você , cidadão, e mesmo assim somos tratados de qualquer maneira.

3 pitacos:

Paola Bracho disse...

Tb sou funcionáia pública, e, assim como vc , fico indignada com attudes como esta. Parece que as pessoas não se dão conta de que estão prestando um seviço e este deve se de qualidade! Mas basta esse mesmo funcionário muda de lado na mesa, que vc vai ver como ele cobra!

Bj, Ruiva! Sempre bom ler seu blog!

Elpydio disse...

Da mesma forma que existe esse artigo do desacato a servidor público, existe previsão na 8.112 e no Código de Ética do Servidor Federal determinando que o servidor deve agir com presteza, urbanidade, etc, etc. Quando se deparar com um cartazinho desse, esfregue esses diplomas legais na cara dos servidores.

Nanda Albuquerque disse...

É, Ruiva, infelizmente não é só servidor público que age assim, apesar de existir um número bem grande do tipo entre eles... eu, com plano de saúde, passei o mesmo problema que vc, a enfermeira cismou de procurar a veia no braço esquerdo, eu disse que era mais fácil no direito, mas ela não ouviu. Resultado? Quase desmaiei tbém. E o pior foi a injeção que recebi na b... que me deixou sem sensação numa das bandas, acho que atingiu um nervo, lembra? (http://dandopintanainternet.blogspot.com/2009/06/coleguinhas-sou-uma-mulher-desbundada.html)
bêê tóó

 

Copyright © Histórias e Pensamentos de uma Ruiva Infinita. Template personalizado por Elaine Gaspareto Design by Volverene from Templates Block